• Alessandra Pirotelli

3 dicas para encontrar o público certo

Atualizado: 26 de out. de 2018


Você já foi a algum evento e, quando chegou lá, não havia quase ninguém?Apesar da sensação ruim que deve causar, existe diversos motivos para isso ter ocorrido e, consequentemente, várias soluções.


Os fatores que levam às pessoas a não comparecerem vão desde uma comunicação, promoção e divulgação mal executada, bem com a falta de identificação do público esperado/planejado com a proposta do evento.


Aqui na Fórmula de Eventos nós já apresentamos os pontos que compõem o passo a passo do planejamento de um evento. Um dos principais deles é, justamente, a identificação do público-alvo e a criação de ações para aproximá-lo efetivamente da proposta da sua produção.


Existem pontos-chave, ou melhor, lugares específicos onde Você produtor pode encontrar informações do seu público em potencial, e identificar se é com quem deseja se comunicar.


Dica 1.

Antes de mais nada, uma pesquisa muito detalhada deve ser feita para encontrar informações a respeito do público esperado para um evento. Se a ideia é fazer um festival de música para adolescentes, por exemplo, é preciso definir a faixa etária desses jovens, a classe social a qual pertencem, em que lugar moram, além de características da sua personalidade, como o que as motiva para ir a um show como esse, o que buscam, quais são seus medos e necessidades. Eu sei que podem parecer informações demais, mas sem elas fica difícil entender, de fato, cada detalhe a respeito de um público e, consequentemente, no planejamento de ações para divulgar o evento e chamar à atenção deles.


A ideia do festival de música é apenas um exemplo. De acordo com a ideia de cada evento é que se busca informação de valor para definir um público-alvo.


Dica 2.

Atualmente, não podemos deixar de lado a relevância que as redes sociais têm na troca de informações no ambiente digital e na interação entre os seus usuários. Se Você produtor tem um planejamento ou estimativa do seu público e quer confirmar essa informação através das redes sociais buscando por mais detalhes, é uma grande oportunidade e um caminho acertado para confirmar esses dados. Com o crescimento da interatividade, fica mais fácil conhecer hábitos, gostos e costumes do público em potencial.


Dica 3.

Uma outra alternativa muito interessante de criar contato com as pessoas e identificá-las como público-alvo, é frequentando eventos. Mas como assim?


Existem eventos acontecendo a todo momento, em todos os lugares e com diferentes propostas. Um produtor de eventos bem informado precisa saber o que está acontecendo em sua cidade/região e, principalmente, na sua área ou segmento. Frequentar eventos semelhantes ao seu, se houver, além de ampliar sua visão de mercado e conhecimento, é uma excelente oportunidade de ver como as pessoas se comportam, com quais ações interagem mais e do que sentem falta. Por isso, atenção redobrada nunca é demais!


Existem diferentes maneiras de se identificar um público-alvo. Sendo uma das etapas mais importantes do planejamento de um evento, e das primeiras a serem elaboradas, dedique um tempo especial para fazê-la e fique atento ao comportamento das pessoas com quem pretende se relacionar.


Em breve vamos falar melhor de como se comunicar bem com elas...


#alessandrapirotelli #formuladeeventos #sistemaproduzeventos #produzirtransforma #camarotebrasil #euamoproduzireventos #eventos #empreender #empreendedorismo #pequenoempreendedor #liberdadefinanceira #ganhardinheiro #rendaextra #ficaadica #negocioproprio #oimportanteeestaremconstantemovimento #euproduzo #amoeventos #amoempreender #querofazeraminhafesta #amofazerfesta #amofesta #querofazerumafesta

6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo