3 passos simples para atrair o patrocínio ideal para o seu evento

< Voltar DicasEventosProduçãoProdução de Eventos por Alessandra Pirotelli em

Essa pode ser uma das decisões mais importantes quando você planeja o seu evento. Talvez o ponto de partida para que todo o seu planejamento comece a sair do papel.

Encontrar um patrocinador (ou patrocinadores) para o seu evento é convergir dois interesses diferentes em uma mesma proposta. E que interesses são esses?

Antes de mais nada, você deve saber que o termo “parceria”, em um primeiro momento, soa mais convidativo às empresas com as quais você quer se envolver do que a palavra “patrocínio”. Afinal de contas, tanto você quanto elas querem sair ganhando nessa junção.

A seguir, 3 dicas essenciais para que o seu evento aconteça encontrando o patrocinador ideal.

A melhor empresa para o seu evento: entender a sua ideia de todas as formas é entender o que de fato você necessita como patrocínio. A partir disso, fica mais fácil buscar empresas que se encaixem na sua proposta e naquilo que faz falta. No geral, essas empresas têm um perfil e área de atuação, pretendem chegar a um determinado público com seu produto e/ou serviço, além de se posicionarem em algum espaço dentro do mercado. Você deve buscar conhecer cada uma melhor e tentar uma abordagem apresentando a sua proposta.

O patrocínio nada mais é do que um investimento financeiro ou algum serviço prestado por uma empresa atuando dentro do seu evento. Para isso, é importante que você já saiba, antes de pedir o patrocínio, o quê precisa. A empresa, por outro lado, vislumbra como a presença dela no seu evento pode lhe render retorno financeiro posterior atraindo novos clientes, bem como visibilidade (seja na mídia, por outros meios, ou até mesmo no próprio momento do evento). Para que tudo isso se concretize, é essencial que todas a sua ideais estejam bem organizadas, como eu te explico no próximo passo.

Aposte no seu próprio planejamento: fazer um evento vai muito mais além do que colocar algumas ideias no papel. Esses insights precisam ser organizados, analisados, adequados e, principalmente, desenvolvidos para que todos, sua equipe de trabalho e os seus futuros patrocinadores, lidem com a proposta de maneira séria e bem delimitada.

O seu planejamento precisa ter uma apresentação geral da sua ideia, objetivos gerais e específicos de execução, e uma descrição de cada detalhe, inclusive da sua própria equipe e do evento (cronogramas, plano de divulgação, pessoal envolvido, público, fornecedores e demais patrocinadores, etc).

Esse detalhamento é fundamental para que, no momento da abordagem ao patrocinador, a ideia seja vista como viável.

Sua proposta imbatível: agora que você entendeu como buscar a empresa certa para ser sua parceira no seu evento, e já sabe como se planejar para tratar com ela, chegou a hora da proposta.

Aproximar-se das empresas para pedir patrocínio pode não ser tarefa fácil.
Mas calma!
Você não vai ser nem o primeiro e nem o único em fazer isso, pelo contrário, elas já estão acostumadas com esse tipo de abordagem.

A sua missão é impactar a essas empresas com a melhor apresentação do seu evento. O seu futuro patrocinador sabe que você está buscando um suporte financeiro, mas porque não fazer com que ele se sinta parte da sua ideia? Faça isso desde o primeiro momento, deixando claro que a atuação da empresa não é apenas um passo que você precisa dar, mas algo que vai te acompanhar por toda a caminhada. Dessa forma os dois lados se sentem beneficiados, e podem repetir a parceria em outros momentos.

Planejar um evento é tarefa diária feita com inquietude. Para acertar na escolha do seu futuro patrocinador e fazer seu evento ser considerado, valorize cada etapa desse processo. Sua ideia será bem vista por todos aqueles com quem você deseja trabalhar.

Comentários